1. Auto Escola WEB
    A Sua Auto Escola Online
  2. Auto Escola WEB
    Vído Aulas Teóricas Simulado do Detran
  3. Auto Escola WEB
    Para Um Trânsito Seguro Seja Você a Diferença
  4. Seja Bem Vindo(a) ao Site
    Auto Escola WEB
    Um Novo Conceito Sobre Trânsito

02/01/2015 - Balanço da PRF aponta queda nos acidentes nas rodovias no fim de ano


Balanço da PRF aponta queda nos acidentes nas rodovias no fim de ano

Auto Escola WEB  Auto Escola online, um novo conceito em Trânsito

O número de acidentes nas rodovias federais nos feriados de fim de ano foi 10% menor que o registrado no mesmo período do ano passado, segundo dados da Polícia Rodoviária Federal. A PRF comparou as ocorrências registradas de 20 de dezembro de 2013 a 1º de janeiro de 2014 com as registradas em 20 de dezembro de 2012 a 1º de janeiro de 2013. De acordo com os dados, antecipados pelo Bom Dia Brasil, a quantidade de acidentes diminuiu de 7.407 para 6.651. Balanço de ocorrências nas rodovias federais 2012 2013 Acidentes 7.407 6.651 Mortes 420 379 Feridos 4.642 4.352 Fonte: Polícia Rodoviária Federal O número de mortes registradas também foi menor. No Natal e réveillon do ano passado, 420 pessoas morreram nas rodovias federais. Neste ano, foram 379 mortes. A maior causa de mortes foram as colisões frontais, que resultaram em 83 vítimas fatais. Acompanhe em tempo real a movimentação nas estradas na volta do feriadão. Para Stênio Pires, coordenador-geral de operações da Polícia Rodoviária Federal (PRF), a redução das mortes foi um resultado do aumento das fiscalização, do planejamento, e da Lei Seca. "Não existe um único fator que contribuiu para a redução de acidentes. O trânsito é sempre complexo", justificou. Em 2013, a Polícia Rodoviária Federal identificou os 100 trechos com mais acidentes fatais e intensificou a fiscalização nesses pontos, coordenando esforços federais, estaduais e municipais. Essa operação recebeu o nome de Operação Rodovida.

Lei Seca No período da operação de final de ano nas estradas, a Polícia Rodoviária Federal multou 1.697 motoristas que beberam antes de dirigir. Desses, 461 foram presos por conduzirem com mais de 6 decigramas de álcool por litro de sangue ou por terem se recusado a soprar o bafômetro, apesar de apresentar sinais de embriaguez. (OBS.: No momento da publicação desta reportagem, foi informado que 996 motoristas haviam sido multados por embriaguez, com base em balanço divulgado pela PRF. No início da noite, o órgão atualizou o dado, informando que foram 1.697 os motoristas flagrados por beberem antes de dirigir. A informação foi corrigida às 20h51). Segundo a PRF, 42% das prisões foram feitas por recusa do motorista em soprar o bafômetro. A maioria das multas aplicadas pela PRF foram por ultrapassagem em locais proibidos. Foram 7.007 autuações, que representaram 20,66% do total. “O tipo de acidente que mais mata nas estradas é a colisão frontal, causada por ultrapassagens em locais proibidos, por isso orientamos os nossos efetivos a fiscalizar com bastante rigor essa infração”, afirmou Pires. O segundo tipo de infração que mais gerou multas foi dirigir carro não licenciado. Foram 2493 autuações desse tipo, 7,35% do total. As multas para motoristas não habilitados foram 1921 casos, 5,67% do total.




Leia também



Deixe seu comentário




                                                               
© 2018 Auto Escola WEB | Todos os direitos reservados

contador de visitas online
Dieta de Emagrecimento em 21 Dias